Notícias

18 de setembro de 2019 às 21:54:20

LIRAa aponta Baixo Risco de transmissão de doenças pelo Aedes aegypti em Estância

Fonte: SECOM


LIRAa aponta Baixo Risco de transmissão de doenças pelo Aedes aegypti em Estância

A Prefeitura de Estância comemora o resultado do recente Levantamento Rápido do Índice de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa) realizado no município, cujo resultado foi 0,9 que corresponde a Baixo Risco. A coordenadora da Vigilância Epidemiológica Adriana Teixeira atribui este resultado ao trabalho permanente da Secretaria da Saúde (SMS), por intermédio dos agentes de de combate às endemias, assim como a participação efetiva da população nas medidas de combate ao Aedes.

"Graças às ações de prevenção, a exemplo dos mutirões, blitzs e entrevistas nas emissoras locais de rádio, trabalhamos a conscientização da população acerca do risco de morte relacionado ao aumento do número de larvas do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, e assim, chegamos a esse resultado saindo do Índice de Infestação Predial (IPP) de Médio Risco  passando para Baixo Risco, o que corresponde a estabilidade do controle e redução do IIP", considerou Adriana.

"Este é o quinto LIRAa em Estância, o qual demonstra uma queda de 2,0 para 0,9%, ou seja, uma diminuição de 1,1% no IIP em bairros com alta vulnerabilidade de transmissão de doenças pelo Aedes aegypti", informa a coordenadora de Endemias da SMS, Fernanda Assunção.

É importante destacar que no município o setor de Vigilância Epidemiológica e Endemias atuam com visitas diárias às residências e estabelecimentos comerciais, terrenos baldios e outros tipos de imóveis, com o objetivo de combater os possíveis focos do mosquito, esclarecendo a população sobre os perigos de deixar água parada, e orientando sobre o descarte correto do lixo, além de verificar denúncias de possíveis focos do Aedes.


Colunistas