Notícias

9 de outubro de 2017 às 16:32:35

Estanciano Sérgio Alves embarca para Abu Dhabi onde representará o Brasil em competição de TI


Estanciano Sérgio Alves embarca para Abu Dhabi onde representará o Brasil em competição de TI
O estudante do Senai de Estância na região Sul de Sergipe, Sérgio Alves que vem desde o ano de 2014 treinando na área de TI – (Tecnologia da Informação), tem conquistado seu espaço no Mundo da tecnologia e na mídia.

O jovem aluno que é morador da Rua Sergipe no Bairro Cidade Nova em Estância embarcou por volta das 13h desta segunda-feira (09) do Aeroporto Internacional Santa Maria em Aracaju onde dentro de instantes desembarcará em São Paulo e em seguida passará 15 horas voando com destino a Dubai que fica a cerca de 140 km de Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes destino da competição World Skill.
A receita do Sucesso: Mais de oito horas de estudo intenso, dedicação, foco e força de vontade.
SÉRGIO ALVES COM SEUS COLEGAS, PROFESSORES (SENAI ESTÂNCIA)
Essa é a receita de Sérgio Alves, para chegar a maior competição de ensino técnico do mundo. O jovem também esteve na Finlândia em maio deste ano se preparando para essa competição. Ele esteve na capital Helsinki para participar de uma simulação da competição internacional Skill Competition TAITAJA 2017. O desafio proposto foi desenvolver um software em três dias, e da disputa participaram representantes da Rússia, Finlândia e Emirados Árabes. Após essa nova etapa o competidor Sérgio Alves retornou ao centro de excelência da Worldskills do Brasil, no Distrito Federal onde se preparou e foi avaliado até sua ida para Abu Dabhi.
Quando tudo começou
Sérgio ingressou no Senai Sergipe, na unidade João Batista da Rocha, localizada em Estância, para o curso técnico de Tecnologia da Informação - Programação. O aluno, que participou em 2016 da Olimpíada do Conhecimento, levou medalha de ouro na modalidade TI Soluções em Softwares para Negócios, e é o único representante brasileiro, na área de TI, na Olimpíada Internacional de Ensino Técnico, a WorldsKills. Mas para chegar a esses resultados Sérgio colecionou horas de treinamento.
Em entrevista exclusiva ao Portal Sergipe Repórter Sérgio comentou sobre sua trajetória até a Cidade de Abu Dhabi.
“Estou treinando há quase três anos para estar competição e desde o início que tive que deixar a minha família, os amigos aqui da Cidade de Estância para ficar treinando em Brasília e estou tranquilo sobre o World Skill, passei um tempo na Finlândia e agora estou levando na bagagem o abraço caloroso de cada aluno e de toda família SENAI, de todos que até aqui me apoiaram e obviamente que a minha experiencia para competir com os melhores do Mundo - Agora é hora de ficar concentrado durante essas quase 15 horas de viajem de São Paulo para Dubai e aproveitar esse momento, ficar focado apenas na competição – Então desde 2014 que estou engajado nos treinamentos e com isso focado no World Skill - Para chegar até aqui tive que passar por um processo de seletiva que foram as etapas Estaduais, Nacional e agora o Mundial conquistei a medalha de ouro durante a etapa Nacional no Acre especificamente em Soluções em Software para Negócios e dizer que Sergipe pode ser o menor Estado do Brasil, mas não é o menor representante do País nessa competição e estou otimista de trazer para o nosso Estado mais uma medalha de ouro - Muito obrigado a todos e pode ficar na torcida que vai dar tudo certo.”. Comentou Sérgio.
Competidores
São 56 competidores do Brasil que estarão participando desse grande evento em 50 áreas da indústria. Alunos do SENAI, SENAC e dos Institutos Federais representaram o Brasil durante esse mês de outubro.

Em Abu Dhabi estarei ao lado do meu avaliador alagoano Robert e do técnico sergipano Reginaldo Santana além dos experts que já estão nos Emirados Árabes que tem o papel de avaliar os competidores, as provas durante esse processo com outros Países na área de soluções em software.
Adversários

Nossos maiores adversários serão a Coreia do Sul e a Suíça que é a atual campeã do World Skill. O brasil já tem um bom histórico de medalhas nessa área de TI. São duas medalhas de ouro e duas de prata com destaque para o Nordeste que tem duas medalhas de ouro.
Família

“Eles estão bem ansiosos, mas eles entenderam que desde o início do processo isso iria acontecer, estão tranquilos com a minha viajem e com certeza estão na torcida pelo meu sucesso e só tenho a agradecer ao meu pai e a minha mãe por também fazerem parte desse processo”. Disse Sérgio.


Por: Washington Reis

Colunistas